Glossario

ABC: Área bruta comercial, que corresponde ao somatório de todas as áreas comerciais dos shopping centers, ou seja, a ABL somada às áreas comerciais de propriedade de terceiros.

ABL: Área bruta locável, que corresponde à soma de todas as áreas disponíveis para a locação, exceto quiosques.

ABRASCE: Associação Brasileira de Shopping Centers.

Análise Vertical ou AV: Quando relativa à conta de resultado, consiste em percentual sobre o total da Receita Líquida de Aluguéis e Serviços; quando relativa à conta do ativo no balanço patrimonial, consiste em percentual sobre o total do ativo; e quando relativa à conta do passivo ou patrimônio líquido no balanço patrimonial, consiste em percentual sobre o total do passivo e patrimônio líquido, respectivamente.

Âncora: Grandes lojas conhecidas do público, com características estruturais e mercadológicas especiais, que funcionam como força de atração de consumidores, assegurando permanente afluência e trânsito uniforme destes em todas as áreas do shopping center.

Associação de Lojistas: Associações, pessoas jurídicas de direito privado, constituídas pelos lojistas e empreendedores de shopping centers próprios que objetivam a satisfação do interesse comum dos lojistas.

Bovespa: Bolsa de Valores de São Paulo.

CAGR: Taxa composta de crescimento anual.

Classe A, Classe B, Classe C e Classe D: Classes econômicas segundo o Critério de Classificação Econômica Brasil estabelecido pela Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa.

Companhia ou Iguatemi: Refere-se a Iguatemi Empresa de Shopping Centers S.A.

CVM: Comissão de Valores Mobiliários.

EBITDA: Medição não contábil elaborada pela administração da Iguatemi, calculada observando as disposições do Ofício Circular CVM nº 01/2006, consistindo no lucro operacional acrescido de resultado financeiro líquido e depreciação e amortização. O EBITDA não é uma medida reconhecida pelo BR GAAP, não possui um significado padrão e pode não ser comparável a medidas com títulos semelhantes fornecidas por outras companhias. A Iguatemi divulga o EBITDA para medir o desempenho da Companhia. O EBITDA não deve ser considerado isoladamente ou como um substituto do lucro (prejuízo) ou da receita operacional, como um indicador de desempenho operacional ou fluxo de caixa ou para medir a liquidez ou a capacidade de pagamento de dívida.

IFRS: International Financial Reporting Standards.

Regulation S: Regulation S do Securities Act.

Rule 144A: Rule 144A do Securities Act.

SEC: Securities and Exchange Commission dos Estados Unidos.

Securities Act: Securities Act de 1933 dos Estados Unidos, conforme alterado.

Tenant Mix: Plano de distribuição dos tipos e tamanhos de lojas pelo shopping center, de modo a gerar conveniência lucrativa para os lojistas e para os empreendedores dos shopping centers.

US GAAP: Práticas contábeis geralmente aceitas nos Estados Unidos.

Fechar
Fechar